terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Hora de acordar

Quanto menos comer, melhor.
Parece óbvio isso né? Mas não é, sempre é válido relembrar.
Minha última refeição foi as 14h ontem; comi 1 ovo mexido e salada de cenoura, pepino e 2 garfadas de vinagrete. Saí de casa pra pagar conta e vim pro meu namorado, as 21h28 comi um biscoito, isso mesmo, uma unidade, não um pacote.
 Peso hoje : 62,6
Parece que alguém estagnou no 62.
E o pior é que esse alguém sabe exatamente o que precisa ser feito para chegar logo na primeira meta, que é 60.
Chega de enrolação, vamo agir!
Eu na verdade não sofri compulsão, só não tenho feito os exercício mesmo, até porque, no domingo de madrugada passei tanto mal que mal fiz coisas normais de casa, que dirá exercícios.
Mas a técnica de afinar a cintura eu fiz, só pra ver no que ia dar.
Cintura hoje : 69cm
Tenho olhado o todo, papo, pernas, costas... Papo acho q não tenho mesmo, a banha das costas não é grande coisa também, o que pega são as coxas e abdômen mesmo..quanta banha horrível e inútil.
Mas é temporário.
O foco está comigo , farei dele mais afiado pra fluir tudo melhor.

Foto da maravilhosa da Miley com Liam para reforçar o foco!

domingo, 14 de janeiro de 2018

Incertezas

Acordei às 3h28 da madrugada sentindo uma cólica horrível e a desconfiança de ter algo vazando de mim. Levantei com muito custo e verifiquei no banheiro - além de um pequeno vazamento, sentia muita dor de barriga e por um lado fiquei satisfeita pois ontem a noite tomei shake e redubio exatamente para soltar o intestino (lowcarb tem uns contras que estou descobrindo agora).
Porém, ignorando o pedido do meu corpo, primeiro fui esvaziar o copinho, o que acredito ter levado menos de 5min, ao contrário do primeiro dia, que foi sexta-feira - sofri por horas indo ao banheiro da casa da minha sogra tentando tirá-lo  para esvaziar, por fim consegui e não havia nada além de um risquinho fraco de sangue é um pouco de muco vaginal.
Que agonia, tanto sofrimento para nada.
Hoje, contudo, o copinho estava cheio. Foi tão lindo ver aquilo, esperei tanto por esse momento, logo vesti a roupa e misturei um pouco de água ao conteúdo e abri a porta pra descer ao jardim e plantar minha lua.
Esse momento foi muito difícil, pois eu sentia tontura, moleza e dificuldade para chegar até lá embaixo, parecia que meu corpo tremia, fora uma sensação estranha por dentro, como se eu tivesse fraca após quase 2 dias de NF(só que não estou de NF) daí após plantar, subi e bebi meio litro de água, mas a boca continuava seca, como se estivesse de ressaca, bebi mais um copo e deu vontade de vomitar, chegando até a sentir aquela água salgada que precede o vômito na boca.
Misericórdia.
Foi muito ruim.
Não recoloquei o copinho; medo de choque térmico, não sei o que estava acontecendo de fato, já que ontem me alimentei, não entendi a moleza do corpo.
Deitei e custei a dormir, por causa da dor.
Agora cedo comi 1  fatia  de pão de  forma  torrada com meia  fatia  de  mussarela e  presunto  e 4 biscoitos recheados, depois de apenas 12h de jejum, acho que foi mais por preguiça de fazer algo pois sentia muita dor.
E isso foi só.
Não sei se farei NF desde a hora que comi até amanhã, sei lá. É provável, porque não sinto vontade de nada nesses dias.
...
Sobre o peso, meu desespero foi infundado ou típico do período menstrual, afinal, ontem vim embora pra casa depois de vários dias na casa da minha sogra, andei um bom pedaço a pé, e já estava mal, pois desde sexta sentia a lua chegando, mas aí entrei em casa com muita sede porém não bebi água, isso foi umas 14h
Aí desci pra comprar cenoura e pepino pro meu almoço e claro, passei na farmácia.
Aqui no bairro graças a deusa agora têm duas farmácias, na ida pesei em uma delas - 62,100
E na volta passei na outra, 62,150
Voltei pra casa pleníssima e preparei meu rango, bebi água o resto do dia, rodei bambolê e fiz massagem na barriga... Me amando muito apesar de tudo hahahaha
Falta pouco pra minha meta, resta tomar vergonha na cara e fazer acontecer e manter.
Que venha uma semana linda de muita luta e força pra todas nós!

PS - a semana não começou nada linda pra mim, que até agora, 2h38 nada de conseguir tirar o coletor. Devo ter colocado errado affff
PS ² - Finalmente, às 2h49 consegui, acho que ele não abriu dessa vez ou por alguma razão, ficou mal encaixado lá dentro. Vou treinar o mês inteiro pra poder usar no próximo ciclo.

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Constatações

Existem momentos na vida onde a gente precisa se posicionar, tomar uma atitude e se responsabilizar por isso.
Comigo as coisas estão fluindo porém estou num momento complicadinho da minha vida então rola umas escorregadas...
É chato lidar com as consequências mas não tenho escolha, tenho que bancar.
Ano passado comprei um coletor menstrual, e a ansiedade para usar é tanta que creio ser por isso que a menstruação nem está descendo direito. Era pra ter vindo ontem e veio bem pouquinho. Vamos ver se hoje desce de vez, afinal sofri pra encontrar uma forma de colocar esse copinho, agora quero vê-lo cheio!
Sobre eu não sentir os inchaços e oscilações no peso nesse período do mês, continuo não sentindo porém pesei, e estou até agora em jejum e o peso aumentou.
É uma frustração tão chata ver o peso maior ainda que por gramas...
Quero tanto sair da casa dos 60... Acabar janeiro com pelo menos 59, 58...
Mas precisei encarar a realidade no mostrador da balança da farmácia: 62,6
Misericórdia.

quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Semana Lunar

Além da minha rotina de baixas calorias e jejum, essa semana ainda tem a lua. Está pra começar hoje e a ansiedade se deve ao fato que em dezembro comprei meu tão desejado coletor menstrual e estou louca pra começar a usar!
Ontem de manhã pesei e o peso oscilou entre 61,9 e 62,0
Já hoje, mais cedo, estava 62,2
Graças a mim mesma que estraguei o jejum ontem a noite. Mas agora já vão fazer  12h, tudo voltando aos eixos, mais tarde volto lá e peso.
Não acredito tanto no inchaço do ciclo menstrual, não vejo diferença no meu corpo, o que é bom e ruim ao mesmo tempo- hoje por exemplo, não posso culpar a menstruação pelos 200g a mais.
Nem devo fazer isso, é importante se responsabilizar pelas atitudes, sejam boas ou ruins, no meu caso, nem é grande coisa mas se eu queria ver o número 61 na balança? Claro que eu queria. Quero né.
O processo de emagrecimento requer paciência e muita muita persistência. Não somente pela questão da alimentação mas também por causa da manutenção; é preciso planejar a dieta, os exercícios, a rotina no geral, horas de sono, cuidados com a estética e até pequenas premiações que incentivem a manter o foco.
Minha meta não foi cumprida, estagnei no 62 mas não estou desanimando, ainda vou comprar a balança, o espelho e farei uma tattoo quando chegar aos 60 kg.
Todos os planos se concretizarão em breve.
Sem pressa.
Foco nos vídeos de exercícios do YouTube e na fatura do cartão que assim que for paga poderei voltar pra minha amada academia!
E assim vou seguindo o baile
Força sempre
Sempre...

sábado, 6 de janeiro de 2018

Seguindo o baile

Agradeço aos comentários na postagem anterior, nem vou continuar no assunto pq já está meio que resolvido, apenas preciso que ele pague o que deve dos meus cartões e pronto.
Foda-se.
Bem, sigo na minha "dieta low carb" que na real nem sei se tô seguindo direito mas o importante é que estou mantendo o controle e o peso até baixou : pesei em jejum hoje na farmácia (pra variar) sem chinelo e o peso é 62,5.
Já não via esse peso há alguns anos, estou feliz com essas pequenas conquistas mas hoje levo essas questões do meu corpo, peso, dietas e tudo mais de forma diferente. Não tenho contado calorias e nem sofro muito quando como algo fora da dieta, só tomo cuidado de fazer isso durante o dia,pois a noite sigo o jejum intermitente, então tem horários pra poder comer e com limite também. Nada de exageros.
A gente tem que saber que alimentação é parte da vida e se a gente se alimenta mal, não adianta esperar ter o corpo da Yasmin Brunet, da fulana sei lá qual, qualquer uma que seja. Se não age de acordo, não adianta ficar se lamentando postando as fotos das mulheres que têm o corpo que a gente gostaria de ter. O que dá resultado é ser firme no objetivo e fazer o que for possível pra alcançar e manter.
Eu pretendo manter esse estilo de vida por tempo indeterminado, dentro dos planos também está voltar pra academia esse ano e me cuidar cada vez melhor
Só tenho esse corpo, devo cuidar dele da maneira que eu puder, sem desculpas esfarrapadas.
Espero que esteja todo mundo bem, que tenham passado uma boa virada de ano
E desejo saúde e sucesso a todas!

segunda-feira, 1 de janeiro de 2018

Recomeços vem de um fim

É, não consegui segurar e falei.
Confessei que olhei as conversas no Facebook dele e ele agora está tão irritado com que falou pelo messenger, sendo que estou bem aqui, ao lado dele.
Espero que minha atitude impulsiva não determine o futuro da minha situação financeira - ainda é importante que ele pague as dívidas dos cartões.
Sei nem pra onde correr, estou sem lugar aqui. Cada um em seu quarto e ele, que não tem quarto, dorme na sala, está assistindo tv, e eu, faço o quê?
Resolvi fazer essa primeira postagem do ano pra já deixar pra trás esse peso, eu realmente não aguentava mais carregar essa situação fingida, estava doloroso demais. Será que acabou? Sinto falta da minha casa, mamãe, irmão, vovô...
E pensar que foi uma história tão linda...mas tudo um dia chega ao fim.
Eu estou bem, de verdade. Bastante preocupada com a questão do pagamento dos cartões mas estou bem, não me sinto de alguma forma culpada ou confusa, como se eu que fosse realmente a louca que ele faz parecer.
Queria apenas dormir, estar na minha casa agora sem ter que ser ignorada nessa casa.
Minha sogra me apoiou, contei pra ela rapidamente o que rolou. Mas ela não pode interferir muito, ela só disse : eu avisei...
Sim, esse namoro é um retorno. Namoramos há quase 5 anos atrás, foi bonito foi, foi intenso foi, contudo, era pra ter sido deixado lá.
Não me arrependo mas não vejo a hora de estar livre dessa farsa.
Sobre o trabalho - esse fim de semana comi de café da manhã, ovos mexidos num dia e omelete no outro, o almoço foi salada e carne num dia, caldo de feijão e carne no outro.
Peso do domingo de manhã em jejum : 64,3
Ainda não é 63, mas não tenho pressa.
Pois o que leva a perfeição é a persistência, somente isso.
Força!

sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Fome passa, gordura não.

Se eu disser que acostumei, que não sinto nada, estarei mentindo.
Agora mesmo estou com fome, não diria muita mas estou incomodada. Diminuí bastante a quantidade de coisas que como é acredito que o corpo ainda não acostumou. Durante o dia senti tontura de leve, pressão baixou um pouco mas cheguei em casa e comi as 18h e estou aqui no jejum intermitente. Tem dias que faço 14h, outros dias mais, outros dias menos... Estou espantada com os números na balança. Hoje me pesei antes de comer as 18h, - 64,1
De tênis.
De calça.
Comprei até uma cinta pra aproveitar o momento. Pensei que fecharia o ano com 65, mas pelo jeito estou mais próxima do 63... Estou ainda pensativa pois parece bom demais pra ser verdade.
Mas sei que é verdade.
Radicalizou primeiro parando de lanchar com meu namorado, depois foi açúcar, agora mais recentemente, farinhas e arroz... Até que é um bom progresso, se considerar que peguei firme mesmo antes do meu aniversário, que foi 04/11
Agora vou tentar manter o peso , mas se eu chegar a 63 até domingo, vou colocar a meta de 60 pra até dia 10.
E chegando a 59, me darei de presente uma tattoo ... Só pra incentivar, vale a pena.
Enquanto não chego a 59, vou colocar pra cada kg um "presente" que na verdade são ítens simples da vida da mulher mas que eu não possuo, no caso, um espelho grande, uma balança só minha, um cabideiro pra organizar as coisas do quarto.
Espero ser forte pra alcançar tudo que estou propondo. E nem é nada demais, faltam apenas 6kg, se eu for perdendo até 1kg por semana tá bom.
Não sei se farei a postagem de fim de ano, acho que já é essa né? Cheia de metas hahaha
Quero comprar logo uma cinta daquelas de colchetes, que fica só no tronco, sem ser calcinha, vejo que as medidas diminuiram (a cintura hoje estava 70cm) porém não é visível. Só sinto as roupas folgadas.
Que droga, quero minha cintura fina de volta!
Mas queria mesmo não focar tanto na balança... Que fixação.
Mas é isso, cada uma com sua neurose...

Força!